Plantas medicinais: conheça 4 tipos e saiba como usar

Plantas medicinais: conheça 4 tipos e saiba como usar

Há muitos anos, quando a medicina ainda não se encontrava tão avançada e a indústria farmacêutica sequer dava sinais de sua existência, todo e qualquer problema costumava ser tratado de maneira natural. Ou seja, com plantas.

Embora muitas delas tenham caído em desuso, algumas ainda se mantêm “vivas”, tendo, ainda, sua eficácia comprovada pela ciência.

Se você quer conhecer essas plantas medicinais e aprender a utilizá-las da maneira correta, tire alguns minutos do seu dia e confira nosso conteúdo especial agora mesmo.

Boa leitura!

 

Fitoterapia: você já ouviu falar sobre?

A fitoterapia, apesar do nome ainda pouco conhecido, é bastante antiga. Seu foco, no geral, é a utilização de plantas medicinais como tratamento de doenças e geradoras de bem-estar.

Assim como os medicamentos comuns, tais plantas devem ser ingeridas com cautela, mas podem ser uma alternativa interessante e mais barata, principalmente para casos simples, como pequenas inflamações ou dores pontuais.

 

Descubra os benefícios das plantas medicinais

As plantas medicinais contêm uma série de benefícios para a saúde, tais como:

• Estimulam o sistema imunológico;

• Causam sensação de bem-estar e relaxamento;

• Não são tóxicas;

• Auxiliam pessoas com problemas metabólicos e crônicos, aliviando efeitos colaterais.

 

Plantas medicinais que você precisa conhecer

Agora, que tal uma pequena lista com plantas medicinais poderosas para a sua saúde? Gostou da ideia? Então, confira:

 

Camomila

Muito ingerida em forma de chá, a camomila pode ser utilizada como um aromático, anti-inflamatório e excelente digestivo. Além disso, seu uso é cada dia mais comum na área cosmética, principalmente em produtos para os cabelos.

Outro uso importante dessa planta popular é em pomadas e sprays para assaduras de bebês.

Você pode fazer uso da camomila através de infusões, na água do banho, no escalda-pés ou passando seu óleo sobre a pele.

 

Lavanda

Essa flor roxa bastante aromática é muito estudada por profissionais há décadas, principalmente quando o assunto são suas propriedades que combatem a ansiedade e o estresse.

Além do famoso óleo de lavanda, a planta costuma ser usada na aromaterapia, possuindo poucos efeitos colaterais. A ideia é usá-la em casos de:

• Ansiedade leve (sempre em conjunto com sessões de terapia);

• Estresse;

• Pressão alta;

• Enxaqueca.

 

Capim-limão

O capim-limão é uma planta perene (rasteira) tropical e bastante aromática. Seus principais benefícios são:

• Combate problemas respiratórios, como dores de garganta e laringites;

• Ajuda a desintoxicar o corpo, sendo muito usada por quem precisa perder peso de maneira saudável;

• Reduz dores abdominais e dores de cabeça.

 

Alecrim

Outra erva perene bastante famosa. O alecrim é uma planta medicinal muito usada na culinária e, portanto, de fácil acesso. Seus usos medicinais podem ser feitos através de óleos, in natura e com os ramos desidratados.

Entre seus principais benefícios estão:

• Estimula o sistema imunológico e melhora a circulação do sangue;

• Ajuda a tratar quadros de indigestão;

• Estimula o corpo tal qual a cafeína;

• Aguça a memória e melhora, e muito, a concentração.

 

Se você quer descobrir mais sobre o universo das plantas, acesse nosso blog. Agora, se ficou com dúvidas sobre algo ou quer entrar em contato, basta nos chamar no WhatsApp.



Precisa de ajuda?