Flores comestíveis: para deixar suas refeições mais bonitas

Flores comestíveis: para deixar suas refeições mais bonitas

Além de embelezar os pratos, proporcionando maior charme e sofisticação à refeição, algumas flores têm a capacidade de complementar uma dieta sadia quando ingeridas.

É o caso das flores comestíveis, que graças às vitaminas e minerais que apresentam, possibilitam uma série de benefícios à saúde e ao bem-estar quando inseridas em uma rotina de alimentação.

É possível encontrar flores comestíveis sendo usadas para enfeitar bolos, assim como para propiciar mais sabor para pratos, doces, vinhos, geleias, além de saladas e sopas.

De qualquer forma, é importante destacar que, mesmo com as suas qualidades e o sabor agradável que possuem, não é qualquer flor que pode vir à mesa e servir como alimento.

Algumas plantas são tóxicas, enquanto outras, se mal preparadas, podem provocar riscos à saúde.

Nesse sentido, conheça algumas flores comestíveis que podem ser utilizadas para tornar as suas refeições mais bonitas, coloridas e saborosas.

 

Tamanhos, aromas e sabores

As flores comestíveis podem se apresentar de diferentes tamanhos, aromas e sabores, a depender da maneira como são cultivadas e da região em que são encontradas.

De uma maneira geral, elas estão presentes nas ervas medicinais e aromáticas, como alecrim, cebolinha e manjericão, bem como em espécies arbóreas, como ipê-amarelo, em frutíferas, como a laranjeira, e em plantas ornamentais, como a amor-perfeito e rosas.

A estimativa é que existam mais de 50 mil espécies de flores comestíveis no mundo, sendo 10 mil somente no Brasil, fazendo com que a possibilidade de combinações gastronômicas seja infinita, a partir do uso dos diferentes tipos de flores.

Entre as mais comuns, a amor-perfeito, se caracteriza por contar com um sabor levemente adocicado, sendo ideal para saladas e sobremesas.

A begônia, por sua vez, apresenta um sabor mais cítrico, o que a torna uma ótima companhia para pratos à base de peixe.

O cravo é marcado por ter um gosto mais apimentado, o que combina bem com molhos. Ele também pode ser útil para decorar os pratos.

 

Versatilidade

As flores comestíveis de hibisco são conhecidas por sua versatilidade, podendo integrar diferentes combinações culinárias, como sobremesas, recheios e saladas.

As flores de hibisco são perfeitas ainda para bebidas, como um chá frio, assim como para geleias, graças ao seu gosto levemente cítrico.

Para manter o seu sabor original, o mais indicado é conservar a flor na própria calda.

Outra flor versátil em termos de culinária é a lavanda. Ela é conhecida por suas propriedades calmantes e pode ser usada no preparo de biscoitos, bolo, cheesecake, geleias, vinagre, dentre outros itens.

A rosa, a mais famosa das flores, é outra que pode ter diferentes usos culinários. A sua riqueza em vitaminas faz com que ela possa ser perfeitamente usada em pratos frios e quentes, combinando ainda com bolos, cremes e conservas.

 

Suavidade e exuberância

Para quem deseja experimentar uma sensação suave e levemente doce na boca na hora de comer, as flores comestíveis das violetas são ótimos acompanhamentos para saladas e sanduíches. Sejam elas frescas, secas ou esfareladas, as flores de violeta dão um toque todo especial para o alimento.

As flores comestíveis de borragem também se caracterizam pelo seu gosto adocicado, que lembra o pepino, agregando suavidade a comidas como saladas e sopas, além de chás.

Já as flores comestíveis de Alcea ou Malva-rosa, que também apresentam um gosto suave e de vegetal, acompanham diversas refeições, se destacando por levarem a decoração dos pratos a um nível diferenciado, graças ao seu visual exuberante.

 

Gostou do conteúdo? Leia mais artigos no nosso blog e entre em contato conosco!



Open chat
Precisa de ajuda?